04/05/2019 às 07h03min - Atualizada em 04/05/2019 às 07h03min

Marcelo Miranda diz não ter medo de ser preso nem descarta volta ao governo do Estado

Alberto Rocha - Alberto Rocha
internet


Alberto Rocha

 
 
Marcelo de Carvalho Miranda (MDB), ex-governador do Tocantins por três mandados, ex-deputado estadual e ex-presidente da Assembleia Legislativa e esposo da deputada federal Dulce Miranda (MDB).
 
Depois de deixar o governo, por decisão da justiça, Marcelo Miranda começou uma peregrinação pelo o Estado  para tentar reconquistar espaço perdido dentro da política. Agora, fora do governo e sem poder ajudar, Miranda enfrenta pela frente um processo judicial que pode comprometer sua carreira política.
 
Mas nessa entrevista exclusiva concedida ao portal de notícias  otocantins durante encontro do MDB no final de semana em Araguaína, o ex-governador é categórico em afirmar que não deve nada,  que não passa pela sua cabeça ser preso e não descarta uma volta ao governo do Estado.
 
 CONFIRA A ENTREVISTA
 
Por anda Marcelo Miranda desde que deixou o governo?
 
Estava mais em casa, em Palmas, cuidando da família, da saúde e de assuntos particulares, além de ficar mais perto dos meus amigos”.
 
O senhor vai parar de fazer política?

“Nunca parei nem vou parar de fazer o que eu gosto, mas o momento é de torcer para que o Estado vá bem e continue se desenvolvendo.
 
Qual a emoção de voltar à Araguaína

“Toda vez que venho a Araguaína me emociono, pois foi aqui onde  tudo começou.
 
O futuro a Deus pertence, mas o senhor descarta governar o Estado novamente?
 
“Não descarto essa possibilidade, a vontade é de seguir sempre. Caso a oportunidade vier, temos de abraçar, de sentar à mesa e dialogar com os companheiros e população.
 
O senhor está bem de saúde?
 
“Graças a Deus, estou muito bem de saúde, pronto para a luta, para as caminhadas em visitas aos municípios e companheiros”.
 
O  senhor tem medo de preso a qualquer momento?
 
“Confesso que isso nunca passou pela minha cabeça. Pelo contrário, todo mundo sabe o que eu fiz e o que deixei de fazer. E tudo que fizeram comigo não foi só comigo, mas com o povo também. Hoje eu ando de cabeça erguida, e se tem algo que me incomoda é saber que interromperam um projeto de desenvolvimento para o Tocantins.
 
O senhor nunca perdeu uma eleição
 
“Sim, todas que disputamos, ganhamos.
 
O que é uma grandeza política?
 
“A grandeza da política é a sinceridade
 
A justiça
 
“Respeito muito a justiça brasileira, mas julgar político só por julgar não resolve nada; são os políticos que decidem; é a classe política que vai para as ruas, para as praças discutir os problemas com a sociedade.
  
Como está a relação hoje entre Marcelo Miranda e o povo do Tocantins, que o elegeu três vezes governador?
 

“Muito bom. Sempre procurei estar ao lado das pessoas, sou isso que vocês conhecem e não tenho o direito de mudar, mas de fazer o melhor para a sociedade
 
 
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento