28/06/2019 às 12h42min - Atualizada em 28/06/2019 às 12h42min

Tocantinense já andou mais de 313 mil km; quase a distância da terra para a lua

Alberto Rocha - Alberto Rocha



Alberto Rocha

 
A distância que ele já percorreu só vendendo salada de frutas pelas ruas de Araguaína impressiona, dava para chegar bem perto da lua ou dar quase 8 voltas ao redor da terra.
 
Já são 29 anos, todos os dias, sábados, domingos e feriados, fazendo a mesma coisa: encher um isopor de 30 kg com  salada de frutas e sair vendendo pelas ruas da cidade, em cerca de 10 bairros. “Chovendo ou fazendo sol,  todo santo dia estou na rua, são 29 anos fazendo isso”, diz Valdenor José de Sousa, 54 anos, tocantinense de Ananás.
 
A rotina do saladeiro começa às 9h da manhã, quando compra as frutas; ao voltar do supermercado, faz o almoço; a esposa, merendeira de uma escola, sai de madrugada para trabalhar. Das 14h às 16h50, saladeiro prepara a salada: maçã, abacaxi, maracujá, laranja, banana e leite condensado. Às 17h bota o pé na estrada e só volta para casa no outro dia, às 2 horas da madrugada. Dorme até às 8 da manhã e acorda para repetir a mesma jornada.
 
Valdenor veio da roça. Depois tentou a garimpagem na Serra Pelada, PA, e em outros garimpos do Mato Grosso, Bahia e Goiás. Mas disse que nunca “bamburrou” (achar ouro).  “Só sofrimento e malária nos couros”, diz.
 
Há 29 anos veio para Araguaína, e na mesma semana em que chegou começou a vender salada de fruta em uma caixa de isopor que carregava nas costas, e na mão, uma sacola com copinhos. “As pessoas compravam só de pena de mim”, diz o saladeiro, que já foi picado 5 vezes por piolho de cobra.
 
Hoje, saladeiro vende a salada em um carrinho de 2mt de comprimento por 40cm de largura, que ele mesmo construiu na própria casa onde mora no Lago Azul, do programa Minha Casa Minha Vida.
 
Saladeiro anda em média 30 km por dia, 900 km/ mês e 10.800km/ ano, sem reclamar e sempre sorrindo. Nestes 29 anos vendendo salada já percorreu 313.200,00 km, quase a mesma distância entre a terra e a lua, 384 mil km. Também, dava para dar quase 8 voltas ao redor da terra. Cada volta ao redor do planeta tem 39.840 Km.
 
Nesse percurso, disse que já viu de tudo: assaltos, tiroteios, brigas, mortes, mas não tem medo. “Todos gostam de mim; os bandidos compram e pagam e tem alguns que ainda me escoltam até a minha casa”, diz sorrindo, afirmando ainda que, por onde passa, crianças e velhos pedem salada de graça. “Eu dou salada para eles, e eles ficam felizes”, afirma.
 
Saladeiro foi candidato a vereador nas últimas eleições, mas perdeu. Diz que na política há muita enganação do eleitor e dos políticos. “Muitos me pediam salada dizendo que iam votar em mim, mas os votos nunca apareceram”, brinca saladeiro, dizendo ainda que vai tentar só mais uma vez. “Se der, deu; se não der, vou vender salada”, garante Saladeiro, que faz questão de divulgar o telefone- 992677812.
 
 
 

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento