04/07/2019 às 07h49min - Atualizada em 04/07/2019 às 07h49min

Ministério Público quer saber onde estão as fraldas do Hospital


foto: MP
 
Atendendo pedido do Ministério Público do Tocantins (MPTO), a Justiça expediu notificação ao secretário estadual da Saúde, Luiz Edgar Leão Tolini para que ele preste informações sobre o desabastecimento de fraldas descartáveis no Hospital Regional de Araguaína (HRA).

Após notificado, o gestor terá prazo de cinco dias para apresentar informações atualizadas à 1ª Vara da Fazenda Pública de Araguaína, inclusive comunicando quais são as providências administrativas adotadas para a aquisição das fraldas, visando regularizar o abastecimento do HRA.

A notificação do gestor foi solicitada pela promotora de Justiça Valéria Buso Rodrigues Borges, que estava respondendo pela Promotoria de Justiça com atuação na defesa da saúde pública em Araguaína.
 
Em comunicação direta com a direção do Hospital Regional de Araguaína, o MPTO obteve a informação de que o estoque de fraldas descartáveis na unidade hospitalar encontrava-se zerado
(Flávio Herculano- MP)
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento