03/07/2019 às 09h07min - Atualizada em 03/07/2019 às 09h07min

Preço da luz baixou? Que? Quem, Onde? Quando? Por que? cadê?

Alberto Rocha - Alberto Rocha
Artigo de opinião - Alberto Rocha
 
Até agora estou sem entender o alvoroço feito  sobre a suposta redução do preço da tarifa de energia elétrica no Tocantins.
 
A meu ver, foi uma perfeita jogada de marketing da companhia responsável pela distribuição de energia elétrica no Estado, a Energisa. Perfeito, perfeito. Mídia espontânea.
 
Que história é essa de reduzir o preço da tarifa em só 0,33/%, num Estado produtor e distribuidor de energia elétrica para todo o País? Que motivos temos para comemorar uma redução pífia de 0,33% em um Estado em que a luz é uma das mais caras do Brasil?  Me engana que eu gosto. É muito barulho para pouco resultado no bolso.
 
O povo tocantinense não suporta mais pagar uma energia tão cara como a do Estado. Chega. Para quê, então, as gigantescas hidrelétricas instaladas aqui? Quais benefícios diretos na conta do consumidor?  Por que pagamos tão caro pela conta de luz? Alguém pode responder?
 
Agora, pasmem. Nos últimos sete anos, a energia no Tocantins aumentou em mais de 56%. Isso mesmo: em mais de 56%. Mas agora, em 2019, veio recompensa:  uma redução de apenas 0,33, na média.
 
Sinceramente, não vejo nenhuma vantagem numa redução de apenas 0,33%. Isso quer dizer que, numa tarifa de 100 reais, o consumidor vai ter um desconto exagerado de 0,33 centavos. Esse valor não dá para comprar nem um ovo de galinha, talvez 2 balinhas no supermercado. Mas, pelo barulho feito, a Energisa acha que 0,33/% já é uma grande economia no bolso do tocantinense. Parabéns, perfeito.
 
Alguém precisa me convencer sobre o que, quem, onde, quando, por que, cadê.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento