24/06/2019 às 08h26min - Atualizada em 24/06/2019 às 08h26min

Deputada federal tenta livrar filhos da acusação de assassinato do pastor



Para a Polícia, o assassinato do pastor Anderson,  assassinado na semana passada em Niterói,  soa estranho. Anderson, que era casado com a cantora e deputada federal Floderlis, foi morto com 15 tiros, a maioria dos disparos na região da virilha.
 
Dos 55 filhos do casal, dois já estão presos sob a acusação de terem sido os autores do crime.
 
Nesta segunda-feira, 24, será a vez da deputada  Flordelis (PSD-RJ)  de dizer o que sabe sobre o crime.  Mas ela já adiantou que  tem esperança de que os dois filhos sejam inocentes pelo assassinato do marido dela.
 
Um dos presos, Flávio dos Santos Rodrigues, filho biológico de Flordelis e enteado do pastor Anderson, confessou o crime, mas a Polícia Civil segue com as investigações, para esclarecer circunstâncias e motivação do crime.
 
“Tem gente que estranha eu não acreditar que dois filhos meus são os autores, porque eles confessaram. Eu não quero acreditar e o meu coração de mãe me dá direito à esperança”, escreveu a deputada, em sua conta no Facebook.
 
Já a delegada que cuidada do caso, tem muitas dúvidas sobre o crime.
 
 “Não está esclarecida a motivação, se a execução aconteceu daquela forma que foi narrada, se são só essas pessoas envolvidas. Muita coisa está indefinida”, afirmou a delegada Bárbara Lomba, responsável pelo caso
.  (fonte odia).
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento