18/06/2019 às 15h23min - Atualizada em 18/06/2019 às 15h23min

Polícia confirma reviravolta no caso do assassinato do pastor no rio de Janeiro



Uma nova linha de investigação começa a surgir no caso envolvendo a morte do pastor Anderson do Carmo, marido da deputada federal Flordelis (PSD), assassinado na madrugada deste domingo (16) na Região de Pendotiba, em Niterói. Segundo a polícia, os próprios filhos podem estar envolvidos no crime motivados pela descoberta de uma traição conjugal do pai.
 
De acordo com a polícia, dois filhos do casal prestaram depoimento sobre o caso na Divisão de Homicídios de Niterói, que investiga o caso. Eles acabaram presos e as investigações seguem em andamento.
 
De acordo com a polícia, a vítima teria sido vista dentro de um carro com uma mulher vestindo apenas peças intimas, antes do crime. Apesar de ainda não ter prestado detalhes a polícia analisa imagens para comprovar a versão.
 
Além disso, já foi possível identificar a arma utilizada no crime: teria sido uma submetralhadora com pente alongado.
 
De acordo com o laudo do Instituto Médico Legal, foram 30 perfurações no corpo do pastor, a maioria na região da virilha. (enfoco).
 


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento