21/05/2019 às 18h40min - Atualizada em 21/05/2019 às 18h40min

Seminário traz passo a passo para destinação de lixo hospitalar em Araguaína


foto: Marcos Filho

Prestadores de serviço e representantes de empresas da área da saúde humana e animal, como clínicas, hospitais e farmácias participaram do 1° Seminário Municipal de Conscientização Sanitária e Ambiental, realizado pela Prefeitura de Araguaína, por meio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente.
 
O evento faz parte das ações do Programa Araguaína Mais Ambiente, que terá outros três seminários: com os empresários do setor oficinas e autopeças, outro para o setor de produtos agropecuários e finalizará com a Agenda 21, onde todos se reunirão para a construção de um Plano Local de Desenvolvimento Sustentável.
 
“Como vocês fiscalizam o encaminhamento do seu lixo até o destino final? Como nós fiscalizamos? O que a gente quer é orientar, tirar dúvidas, para que ninguém deixe de fazer o que é certo por falta de orientação”, ressaltou o secretário municipal da Saúde, Jean Luís Coutinho.
 
Explicando a legislação

“Temos uma Lei Federal dos resíduos sólidos. Todos os resíduos sólidos, de todas as naturezas, estão contemplados ali. De acordo com essa lei, os resíduos produzidos por uma clínica odontológica, por exemplo, não podem ir para o lixo comum, para o aterro sanitário. Nosso objetivo é esclarecer e orientar, porque aquele que estiver em desconformidade vai ser autuado, notificado e multado”, comentou o secretário municipal do Meio Ambiente, Júnior Marzola.
 
Após a abertura do evento, o superintendente do Meio Ambiente, Orialle Barbosa, explicou o passo a passo para o licenciamento ambiental de estabelecimentos de saúde, as normas técnicas e o Plano de Gerenciamento de Resíduos de Serviços de Saúde. Na sequência, foi o momento para que os participantes tirassem suas dúvidas junto à equipe técnica.
 


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento