24/04/2019 às 08h58min - Atualizada em 24/04/2019 às 08h58min

Servidores da CGE participam de curso sobre combate à corrupção e à lavagem de dinheiro

Foto: Zezinha Carvalho/Governo do Tocantins
Servidores da Controladoria-Geral do Estado (CGE) participam do curso  “Capacitação e Treinamento para Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro”, promovido pelo Ministério da Justiça e o Fórum Tocantinense de Combate à Corrupção (Focco-TO), no qual a CGE ocupa uma cadeira. A solenidade de abertura aconteceu na manhã desta terça-feira, 23, no auditório térreo do Ministério Público Estadual (MPE), em Palmas.
 
O secretário-chefe da CGE, Senivan Almeida de Arruda, que compôs a mesa de cerimônia do evento, destaca que técnicos do órgão estão em constante aprimoramento nesta gestão, a fim de se realizar de forma cada vez mais eficaz o controle dos gastos do dinheiro publico. “Quanto maior o controle das contas, melhor a execução da despesa para que o Estado promova suas políticas de forma eficiente, o que nos faz agir também de forma preventiva contra a corrupção ou a lavagem de dinheiro”, diz o gestor.
 
O assunto também foi enfatizado no discurso do promotor de Justiça Vinícius de Oliveira e Silva, coordenador do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça do Patrimônio Público e Criminal (Caopac). “A última década representou o verdadeiro despertar da sociedade e das instituições de controle para o enfrentamento da lavagem de dinheiro”, destacou o promotor.
 
O procurador-geral de Justiça do Tocantins, José Omar de Almeida Júnior, por sua vez, lembrou o esforço dos órgãos de controle nesse sentido e a importância das capacitações. “O combate à corrupção é a questão primordial da instituição”, reforçou também o procurador.
 
Capacitação
 
As atividades do curso seguem até esta sexta-feira, 26, e fazem parte da Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (Enccla) do Programa Nacional de Capacitação e Treinamento para o combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (PNLD), instituído em 2004.
 
A abertura dos trabalhos contou com palestra sobre o sistema nacional de combate a lavagem de dinheiro. O tema foi trazido pelo assessor do departamento de recuperação de ativos e cooperação Jurídica Internacional, do Ministério da Justiça, Isalino Antônio Giacomet Júnior.
 
Um dos participantes do curso, o diretor de Inspeção e Fiscalização da CGE, Augusto de Souza Pinheiro Júnior, enfatiza a importância da capacitação. “Para nós, técnicos, é uma oportunidade de amadurecermos ainda mais as nossas, auditorias, fiscalizações e inspeções com novas técnicas de investigação administrativa e, assim, contribuirmos ainda mais para o controle das contas públicas”, concluiu.
 
Público-alvo
 
Além da CGE, também participam da capacitação membros e servidores de instituições como ministérios públicos Estadual e Federal, Tribunal de Justiça, polícias Federal e Civil, Advocacia-Geral da União, Agência Brasileira de Inteligência, Banco Central do Brasil, Caixa Econômica Federal, Casa Civil, Ministério Público de Contas, tribunais de contas do Estado do Tocantins e da União, Ministério Público Federal, Delegacia da Receita Federal e Instituto Nacional de Seguridade Social.  (Valdenice Rodrigues/Governo do Tocantins).


 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento