03/08/2020 às 08h44min - Atualizada em 03/08/2020 às 08h44min

Discussão: Covid -19 ou corrupção: Qual pandemia mata mais pessoas?


Foto: Convenção Batista 
 
Acredito que temos a resposta inequívoca que a CORRUPÇÃO tem matado mais gente do que o Covid 19. Não quero minimizar nenhuma morte, pois sei que cada pessoa que morreu foi uma perda e provocou incalculável dor aos amigos e familiares. O que quero aqui é provocar uma reflexão sobre a principal pandemia que há décadas vem provocando mortes no Brasil. Vejam:

• A corrupção de décadas impediu de hoje termos leitos de UTI em todas as cidades brasileiras...TODAS;

• A corrupção de décadas impediu de ter hospitais equipados em todas as cidades brasileiras para atender dignamente a população;

• A corrupção de décadas impediu de termos mais profissionais da área de saúde qualificados e uma educação pública acessível a todos;

• A corrupção de décadas impediu de hoje podermos enfrentar a COVID 19 e vencê-la, em vez de sermos vencidos por ela, como está acontecendo;

• A corrupção de décadas impediu do enfrentamento desta pandemia, tratarmos como um problema de saúde e  não como um problema político;

• A corrupção de décadas impediu que hoje o ser humano seja tratado com o devido respeito que todos merecem;

• A corrupção de décadas nos impede que hoje valorizemos uma pessoa pelo que ela é e não pelo que ela tem;

• A corrupção de décadas não tem nome de partido político;

• A corrupção de décadas não pode ser atribuída a uma pessoa apenas;

• A corrupção de décadas pode ser vista em quem compra o voto e em quem vende o voto;

• A corrupção de décadas não é apenas de milhões, mas também de centavos;

• A corrupção de décadas é algo intrínseco no coração do ser humano.

Se é assim, e creio que é, o que precisa mudar não é a estrutura política, social, religiosa, econômica,  mas sim, o coração de quem está envolvido em todas essas áreas. “Porque do coração procedem os maus desígnios, homicídios, adultérios, prostituição, furtos, falsos testemunhos, blasfêmias. São estas as coisas que contaminam o homem...” (Mateus 15: 19, 20).

Pensando sobre o significado de PANDEMIA: “Pandemia é uma epidemia que se espalhou geograficamente, saindo do seu lugar de origem, especialmente falando de doenças contagiosas que assolam praticamente o mundo inteiro” (Dicionário online de português.) Sendo assim, temos duas epidemias, isto é, duas doenças que precisam urgentemente de cura. 

Todos nós  estamos preocupados (e não poderia ser diferente) com a cura e/ou a vacina contra a pandemia da COVID19. Mas,  até que ponto estamos preocupados com a pandemia da CORRUPÇÃO? Esta está instalada no Brasil há décadas, mas não nos manifestamos contra ela de forma crítica e prática. Quando muito fazemos, reclamamos dizendo que todos são corruptos... menos EU! 

Falamos ainda a famosa frase: Diga não à violência, isto é, transferindo a responsabilidade para os outros. 

Defendo que podemos mudar esta situação e provocar a CURA ou a VACINA contra a corrupção quando dissermos e praticarmos a seguinte frase: DIGO NÃO À CORRUPÇÃO! Corrupção não é apenas quando subtraímos algo de alguém, mas também, quando nos silenciamos diante de alguém que se comportou corruptamente. 

Veja que a doença da corrupção se instalou em todos os segmentos da nossa sociedade, como: a corrupção religiosa, ensinar o que a bíblia não ensina;  a corrupção da educação,  corrupção jornalística, a corrupção política, a corrupção jurídica, a corrupção comercial, a corrupção policial, a corrupção familiar,  a corrupção relacional... Bem que poderia continuar a lista, mas  desafio a que pensemos sobre isto. 

Vamos juntos destruir a corrupção antes que ela destrua a todos nós. Olha o que a bíblia diz: “Ah, nação pecadora, povo carregado de iniquidade! Raça de malfeitores, filhos dados à corrupção! Abandonaram o Senhor, desprezaram o Santo de Israel e o rejeitaram.” (Isaías 1:4).

 
Pr. Euzimar Nunes - Primeira Igreja Batista em Araguaína

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento