14/02/2020 às 07h08min - Atualizada em 14/02/2020 às 07h08min

Senador convida pré-candidato a prefeito a mudar para o PSD; motivo seria fundo partidário e tempo de propaganda eleitoral

Alberto Rocha - Alberto Rocha

foto:  Marcos Filhos                             Wagner Rodrigues e Ronaldo Dimas; pré-candidato caminha na direção do PSD


Alberto Rocha
 

De olho no fundo partidário e no tempo de propaganda de eleitoral no rádio e na tv, o senador Irajá Abreu convidou o secretário chefe de gabinete do prefeito Ronaldo Dimas e pré-candidato à prefeitura de Araguaína, Wagner Rodrigues a deixar o Solidariedade (SD)para se filiar no PSD, partido do senador. O convite foi feito durante encontro em Palmas.
 
Wagner Rodrigues ainda não decidiu se vai ou se fica. Pessoas próximas ao pré-candidato disse que ele estaria analisando se há vantagens na mudança. Até agora Wagner permanece no Solidariedade,  mesmo partido do deputado federal, Tiago Dimas, filho do prefeito.
 
Entenda
 
O PSD foi criado em setembro de 2011 pelo ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab.
 
O Tribunal Superior Eleitoral- TSE-  já decidiu que o PSD tem direito a uma maior participação na divisão dos recursos do Fundo Partidário. Estima-se que o PSD passará a receber mensalmente mais de  R$ 1 milhão do fundo partidário.
 
Terciliano Gomes
 
Ainda, na reunião de Palmas, o senador Irajá Abreu exigiu que o vice na chapa de Wagner Rodrigues seja o vereador  e suplente de senador, Terciliano Gomes, também presidente da União dos Vereadores do Tocantins-Uvet.
 

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento