01/02/2020 às 10h00min - Atualizada em 01/02/2020 às 10h00min

Produção agrícola do Projeto São João abastece o mercado de Palmas


Foto: Governo do Tocantins
 
De responsabilidade do Governo do Estado, o projeto de irrigação tem contribuído para o mercado consumidor de hortifruti de Palmas

Feiras, escolas, instituições, supermercados e consumidores de Palmas estão recebendo os produtos agrícolas cultivados no Distrito de Irrigação São João, localizado a 25 km da Capital, em Porto Nacional. De responsabilidade do Governo do Estado, o Projeto de Irrigação São João tem contribuído para abastecer o mercado local.

Um dos produtos cultivados no Distrito e comercializados em Palmas é a banana. Na Chácara Tucunaré, por exemplo, são colhidos cerca de 350 toneladas do fruto por mês. De acordo com o engenheiro agrônomo e proprietário da área, Marcos Ribeiro, toda a produção vai para Palmas.  “A gente atende desde feirantes, atacadistas, varejistas até o consumidor final”, destaca.

No distrito desde 2012, o produtor Waldemir Martins de Sousa e a família são proprietários das Chácaras Verde Ouro e JR, que juntas medem 16 hectares.  Ele conta que o principal produto agrícola cultivado nas chácaras é a mandioca, são mais de 600 kg vendidos por semana. “A nossa produção vai principalmente para Palmas, para escolas. Vai para a merenda escolar”, informa. Ele diz ainda que vende outros produtos para as feiras da Capital.

O potencial do Distrito de Irrigação São João na produção agrícola ainda tem margem a ser explorada, dos 3,5 mil  lotes de área apta a ser irrigada cerca 1,1 mil hectares são de área produtiva.  Segundo o superintendente de Irrigação e Drenagem da Seinf, Marcus Carlos Costa, o projeto tem tanto produtos perenes quanto temporários, permitindo que ao longo do ano o distrito tenha produtos para entregar ao mercado consumidor de Palmas. (Secom).
 



 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento