08/08/2019 às 07h20min - Atualizada em 08/08/2019 às 07h20min

Político tocantinense está fora do processo eleitoral do ano que vem; Tribunal de Contas reafirma condenação

Alberto Rocha - Alberto Rocha

               foto:internet - Clayton Paulo



Alberto Rocha
 
Mais um balde de água fria nas pretensões políticas de Clayton Paulo Rodrigues (PTB), ex-prefeito de Nazaré, região do Bico do Papagaio.  O Tribunal de Contas do Estado, TCE, reafirmou decisão  que condenou Clayton por ter suas  contas rejeitadas quando foi prefeito de Nazaré. A rejeição se refere ao exercício de 2015.
 
Diante da condenação, o ex-prefeito não poderá concorrer às eleições municipais do ano que vem, pois, de acordo o TCE, ele  está inelegível em função de sua condenação pelo Tribunal.
 
O tiro de misericórdia nas pretensões políticas de Clayton Paulo foi dado na última terça-feira, 6, quando o TCE negou os embargos de declaração do ex-prefeito,que tentava ainda uma mudança nos rumos da condenação que o deixou distante da política.  
 
A decisão de condenação de Clayton Paulo mantida pelo conselheiro Napoleão de Sousa Sobrinho, que negou provimento ao Pedido de Reexame que recomendou a rejeição das Contas Consolidadas no exercício de 2015, do Município de Nazaré – TO, pelas irregularidades  praticadas pelo ex-gestor.  Na decisão, o TCE afirma que o recurso de embargos de declaração de Clayton  Paulo foi interposto fora do prazo legal previsto na legislação.
 
Embargos de declaração
 
Embargos de Declaração é um recurso que o condenado tem direito junto ao Tribunal para  reexame da decisão e esclarecimento de pontos obscuros na sentença condenatória.
 
Sobre Clayton Paulo
 
Clayton Paulo Rodrigues, ex-prefeito de Nazaré, TO,  é natural de Goiânia, GO, e nasceu em 1974.  É Casado, é pedagogo e considerado o segundo homem na hierarquia do PTB estadual.


 

 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento