07/11/2022 às 18h19min - Atualizada em 07/11/2022 às 18h19min

Servidores estudam Libras para promover atendimento mais acessível e inclusivo em Araguaína


 
Nas tardes de terças e quintas-feiras, dezenas de servidores de Araguaína têm um compromisso marcado com o curso básico de Libras (Língua Brasileira de Sinais). É o caso da assessora técnica do Gabinete da Prefeitura, Adriana Lira, que se interessou pela oportunidade gratuita de qualificação.


“Quando os munícipes procuram atendimento, alguns deles são surdos e temos mais dificuldade em entendê-los. A partir do momento que eu concluir esse curso, vou proporcionar a inclusão dele e também me sentir incluída no mundo deles por conseguir me comunicar”, contou.

Os alunos estudam o nível básico da língua, o que permitirá a comunicação inicial, como: cumprimentos, diálogos para direcionar a pessoa com surdez aos serviços e entender os dados pessoais que são informações importantes nos atendimentos.

Com carga horária total de 30 horas, a capacitação de Libras foi aberta para todas as secretarias do Município e teve início no último dia 25 de outubro. “Queremos proporcionar uma experiência de maior acessibilidade e inclusão. Esse curso tem como intuito tornar os servidores mais preparados para atender melhor a população”, informou a diretora interina de Políticas Públicas Setoriais, Rhaíssa da Rosa.
 
Um novo aprendizado
As aulas são ministradas por dois professores e um intérprete, das 16 às 18 horas, na sala CIL (Central de Interpretação de Libras) de Araguaína, localizada no prédio da Secretaria da Assistência Social, Trabalho e Habitação. O curso está previsto para ser concluído no dia 2 de dezembro.

“É o meu primeiro contato com Libras e apesar de eu ter achado um pouco difícil é ao mesmo tempo interessante e sei que vou poder ajudar muito no atendimento da secretaria”, expressou o assistente administrativo da Secretaria da Educação Carlos Daniel Alencar.

Ao todo, 15 servidores de 10 repartições estão sendo capacitados: secretarias da Fazenda, Governo, Administração, Educação, Planejamento, Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente, Saúde, Captação e Gestão de Recursos, Controladoria Municipal e ASTT (Agência de Segurança, Transporte e Trânsito de Araguaína).
 
O que é a CIL e como funciona?
A CIL (Central de Interpretação de Libras) é a única no Estado do Tocantins que oferece suporte gratuito para as pessoas com surdez e cursos aos servidores. Dos 35 surdos cadastrados e deficientes auditivos, 20 fazem uso do serviço com frequência e, com a finalização deste curso, o Município terá 23 novos servidores qualificados.

O órgão faz parte da Secretaria da Assistência Social e está apto para auxiliar em situações como: Atendimento médico na rede pública, interpretação nas audiências judiciais, solicitação de emissão de documentos pessoais, cadastramento nos programas sociais governamentais e consulta de situação de benefícios.


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Portal O Tocantins Publicidade 1200x90
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento