09/03/2022 às 08h10min - Atualizada em 09/03/2022 às 08h10min

Etapas da campanha de vacinação contra a aftosa terão estratégias invertidas no Tocantins


Foto: Divulgação
 
A Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) recebeu nesta terça-feira, 8, um comunicado do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), sobre a inversão das estratégias do calendário de vacinação 2022 contra a febre aftosa nos estados que compõem o bloco IV, o qual o Tocantins faz parte.

Assim, a primeira etapa de vacinação contra a febre aftosa, em maio, será destinada aos bovídeos com até 24 meses de idade e a segunda etapa, que ocorrerá em novembro, contemplará todo rebanho, independente da faixa etária. Nos anos anteriores, em maio era todo o rebanho, e em novembro, apenas animais jovens. O Tocantins conta com mais de 10 milhões de bovídeos.

Segundo o responsável técnico pelo Programa Estadual de Vigilância em Febre Aftosa da Adapec, João Eduardo Pires, a medida adotada pelo Mapa visa garantir a oferta de vacinas contra aftosa, uma vez que o número de animais com até 24 meses é praticamente 50% de todo o rebanho. “No comunicado que recebemos, o Mapa informa que a decisão foi tomada após ouvir representantes da indústria de produtos de saúde animal, que busca equacionar a demanda por vacinas”, explicou João Eduardo Pires, recordando que, na última etapa, já foi necessário ampliar o calendário no Tocantins por falta de vacinas em alguns municípios.

Quanto à movimentação do rebanho durante as etapas de vacinação, não há mudanças, ou seja, propriedades adimplentes com a etapa de vacinação em curso poderão movimentar normalmente seus animais.
(Governo do Tocantins).

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Portal O Tocantins Publicidade 1200x90
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento