20/01/2022 às 08h04min - Atualizada em 20/01/2022 às 08h04min

Governo do Tocantins adia retorno das aulas na rede estadual


Foto: Divulgação
 
O Governo do Tocantins anunciou na noite desta quarta-feira (19) que decidiu adiar o início do ano letivo 2022 na rede estadual. A volta as aulas que estava prevista para o dia 1º de fevereiro agora será no dia 14 do mesmo mês. Por enquanto, o formato presencial segue mantido.

Para justificar a decisão, a Secretaria de Educação e Cultura (Seduc) disse que levou em consideração diversos fatores. Foram citados o avanço na transmissão da Covid-19 e da Influenza (H3N2) no estado e também as condições das estradas atingidas por enchentes, que prejudicam o transporte escolar rural.

A Seduc informou ainda que recebeu um ofício da Associação Tocantinense de Municípios (ATM) relatando que pelo menos 82 dos 139 prefeitos do estado achavam que o adiamento era a melhor solução.

"Em atenção à garantia do direito de acesso igualitário à sala de aula, consideramos prudente adequar o calendário, pois muitas localidades do Estado estão com o acesso limitado em razão das fortes chuvas. Por outro lado, precisamos manter a rigorosidade dos protocolos de biossegurança, pois a escola é um ambiente controlado", disse o secretário Fábio Vaz.

Ainda de acordo com a Seduc, será mantida a previsão de 200 dias letivos e as férias no mês de julho estão garantidas. Os nove dias letivos que seriam ministrados no começo de fevereiro serão redistribuídos ao longo do ano.

"Estamos cientes de que a maioria dos municípios têm condições de retomar as atividades escolares no dia 14 de fevereiro, mas sabemos também que existem outros com o trânsito inviabilizado por causa das chuvas, além das situações das cidades alagadas, onde as escolas estão sendo utilizadas como abrigo. Tudo isso impede o acesso de parte dos alunos às escolas. Por isso, manteremos o diálogo com cada prefeito para encontrarmos soluções. Se houver casos em que o retorno seja inviável no dia 14, não haverá empecilho para ampliar a prorrogação do início das aulas nestas localidades", afirmou o secretário.
(G1 Tocantins).

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento