27/07/2021 às 12h28min - Atualizada em 27/07/2021 às 12h28min

Igeprev celebra 32 anos de memórias, desafios e conquistas


Foto: Divulgação
 
O Instituto de Gestão Previdenciária do Estado do Tocantins (Igeprev-TO), faz aniversário no próximo sábado, 31,  e completa 32 anos de comprometimento e respeito aos direitos previdenciários dos segurados. Preocupado com a valorização de seus beneficiários, o Instituto mantém o comprometimento de uma gestão integrada com o servidor e compartilhada diariamente, na excelência e qualidade da prestação de seus serviços, aos mais de 16 mil aposentados e pensionistas.

E para congratular esse novo ciclo repleto de memórias, histórias, desafios e conquistas, o Igeprev elencou os fatos mais relevantes ao longo desses 32 anos e produziu uma linha do tempo, através de uma singela exposição com os principais marcos, que fazem parte da história do Instituto, para apreciação dos segurados e beneficiários que forem atendidos de forma presencial por agendamento. A exposição ficará até o dia 13 de agosto, e está no hall de entrada do setor de atendimento do Instituto.

Entre os principais fatos mais relevantes, estão alguns acontecimentos desde quando o Igeprev era Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores do Estado do Tocantins (Ipetins), suas mudanças de sede de Miracema para Palmas; a reforma previdenciária com a Constituição de 1998, onde foi desvinculada a assistência à saúde do Instituto, que passou a tratar apenas da previdência social; a instituição do Regime Próprio de Previdência Social do Tocantins (RPPS-TO); as transformações tecnológicas que trouxeram com elas, algumas importantes conquistas como a regulamentação da base cadastral dos servidores ativos, inativos e pensionistas do Estado do Tocantins, as ferramentas do Portal do Segurado, o aplicativo Meu RPPS, dentre tantas outras que só reafirmam o compromisso de uma gestão integrada com os servidores, segurados e beneficiários.

Para a servidora do Igeprev há 29 anos e gerente de Cadastro e Tempo de Contribuição, Luzia Lustosa de Sousa, relembrar os fatos é voltar no tempo, bem no início em Miracema, quando o Instituto ainda era Ipetins, foram muitos os desafios. “São memórias guardadas com carinho e muitas histórias. Uma delas, a de ir e vir grávida, diariamente, de Palmas para Miracema de ônibus, por estrada de chão,” recordou à servidora. “Trabalhar e fazer parte da família Igeprev significa para mim, uma honra poder dedicar-me cotidianamente as demandas previdenciárias com ética, responsabilidade e satisfação,” finalizou.

Enquanto Ipetins, o Instituto perpassou por alguns Órgãos como as Secretarias Estaduais de Saúde e de Administração, até a aquisição de sede própria, em 2010. O Igeprev também ampliou a partir de 2009 seu atendimento presencial, para as regiões norte e sul do Estado, com as Unidades de Serviço Rápido de Atendimento ao Cidadão - É Pra Já, em Araguaína e Gurupi. O Instituto também passou nos últimos anos, por um amplo processo de informatização dos processos físicos, além da qualificação de seus servidores, para melhor atender os beneficiários, com o Programa de Certificação Institucional e Modernização da Gestão dos Regimes Próprios de Previdência Social, o Pró-Gestão.

“Trago comigo boas lembranças e muito aprendizado, ao longo desses 27 anos dedicados à previdência no Instituto, que são, sobretudo, recordações de muita gratidão,” lembrou com entusiasmo, o servidor e gerente de Execução Orçamentária, financeira e contábil, Pedro Pinto de Oliveira.

“É com imensa satisfação que faço parte do Igeprev,” pontuou a vice-presidente do Instituto Ana Claudia Pereira da Cunha. “Poder fazer parte dessa história é uma honra para mim. Parabéns Igeprev pelo compromisso previdenciário, com todos os servidores e segurados,” concluiu.

Para o presidente do Igeprev, Sharlles Fernando Bezerra Lima, é muito gratificante trabalhar no Instituto e poder fazer parte desses 32 anos de história, memórias e desafios. “O Igeprev tem buscado ao longo dos anos aprimorar-se e adotar as melhores práticas de gestão,” destacou. “Esses 32 anos têm um significado bastante relevante para mim. Sou natural de Miracema e desde a minha juventude, observo o Igeprev, na época, Ipetins, como um órgão de referência, como organização pública do Estado do Tocantins. Boas e agradáveis lembranças, que recordo com apreço,” lembrou. 

“Desde sua criação, o Igeprev alcançou uma grande evolução. Agora é tempo de semear, mas também de aperfeiçoar os métodos de trabalho, acompanhar os avanços tecnológicos, bem como fazer uma gestão de qualidade voltada para a satisfação dos segurados, demonstrando transparência e profissionalização, de modo a cumprir e garantir os direitos previdenciários de cada segurado e a renda no período da inatividade,” finalizou.
(Governo do Tocantins).

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento