31/03/2021 às 07h52min - Atualizada em 31/03/2021 às 07h52min

Tocantins é o 1° colocado na região Norte e ocupa a 5ª posição entre os estados brasileiros em geração de empregos


Foto: Divulgação
 
De acordo com os dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do mercado formal, referentes ao período de fevereiro de 2021, o Tocantins manteve os bons números dos últimos meses e segue como um dos estados que mais abriu postos de trabalho, figurando na primeira colocação entre os estados do Norte do País, com um crescimento de 1,40%.

No referido período, foram contratadas 7.595 pessoas e desligadas 4.993, o que gerou um saldo positivo de 2.602 novas vagas de emprego. O segundo lugar ficou com o Pará, com um crescimento de 0,89% e a terceira colocação ficou com Rondônia que alcançou 0,76% de aumento.

No Brasil, o Tocantins está entre os cinco que mais geraram empregos na variação relativa de criação de postos de trabalho formais, no acumulado do mês de fevereiro de 2021, segundo dados do Caged, divulgados na manhã desta terça-feira, 30, pelo Ministério da Economia. O ranking é liderado pelo Mato Grosso com 1,57% de crescimento; em segundo vem Santa Catarina com 1,55%; em terceiro, está o Paraná com 1,50%; em quarto, está o estado de Goiás com 1,42%; e o Tocantins ocupa a quinta posição com 1,40%.

Levando em consideração o cenário atual, é possível perceber que as medidas adotadas pelo Estado, na busca por novos investidores e na atração de novas empresas, vêm contribuindo para os resultados positivos e têm gerado novas oportunidades de trabalho e renda para a população. 

Comércio e Indústria são destaque

Os setores econômicos com os melhores desempenhos foram o comércio, que contratou 2.562 pessoas e desligou 1.590, gerando um saldo de 972 vagas de empregos. A indústria ocupou a segunda posição, sendo que, neste setor, foram contratados 794 novos trabalhadores e desligados 481, o que trouxe um saldo positivo de 313 novos postos de trabalho.

Vale ressaltar que o setor de serviços também segue em crescimento e com dados promissores: foram admitidos 2.804, contra 1.800 desligamentos, gerando um saldo de 1.004 novas vagas.

De acordo com o secretário de Estado da Indústria, Comércio e Serviços, Tom Lyra, os números são reflexo das ações e medidas adotadas pelo governador Mauro Carlesse, citando como exemplo as leis de incentivos fiscais e o investimento na logística do Estado.

Como consequência destas ações realizadas pela Secretaria de Estado da Indústria, Comércio e Serviços (Sics), por meio da Diretoria de Atração de Investimentos, as empresas estão enxergando o Tocantins como um dos melhores lugares para se investir. Ao longo de todo o ano de 2020, o titular da Indústria e Comércio, juntamente com os técnicos da pasta, estiveram em outros estados brasileiros prospectando novos negócios para o Tocantins, contribuindo, assim, para a pujança econômica à medida que novas empresas vieram se instalar no Estado.

“Queremos muito mais do que preservar postos de trabalho. Nosso objetivo é criar novas oportunidades para todos os cidadãos. Nesse sentido, temos trabalhado arduamente para que isso aconteça. Mesmo diante do cenário atual e das dificuldades que todos têm enfrentado, somos sensíveis à situação e estamos buscando contribuir para que os empresários possam continuar suas atividades, alavancando, dessa forma, o desenvolvimento econômico do nosso Tocantins”, conclui.
(Governo do Tocantins).

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento