18/01/2021 às 08h18min - Atualizada em 18/01/2021 às 08h18min

Eduardo Gomes, Ronaldo Dimas, Toinho Andrade e Wanderlei Barbosa: quarteto que sonha em herdar o trono de Carlesse


 
Artigo de opinião - Alberto Rocha

O luxuoso Palácio Araguaia, todo de mármore e fincado na praça dos Girassois, desperta o sonho, a esperança e o desejo de muitos políticos tocantinenses. 

Hoje, ocupado por Mauro Carlesse, o Palácio Araguaia é cobiçado pelo senador Eduardo Gomes, pelo ex-prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas, pelo presidente da Assembleia Legislativa, Toinho Andrade  e, também, pelo vice-governador, Wanderlei Barbosa. É o que se comenta. Há outros nomes, mas isso não passa de síndrome de ilusão exaltada.

Mas, o que estimula o apetite voraz para chegar ao Palácio Araguaia?  A resposta é igual à fórmula da água, que todo mundo já sabe: o poder é afrodisíaco e exalta o ego, além disso, existe uma fome voraz de comandar uma máquina que movimenta bilhões de reais. 

Mas, dos quatro, Gomes, Dimas, Andrade ou Barbosa, quem tem mais chance de sentar no trono ocupado por Carlessse? Não há favoritismo, apenas forte tensão no caminho de cada um deles. 

Quem não sabe ler pode ver as figuras. O senador Eduardo Gomes, que demonstra ter alma de João Ribeiro, terá a força do governo federal. Ronaldo Dimas tem Araguaína para mostrar como referência de administração; Toinho Andrade é presidente da Assembleia e espera o apoio de Mauro Carlesse. Já Wanderlei Barbosa, caso queira ir para a disputa, precisa torcer para Carlesse renunciar para tentar uma vaga no senado.
 
Em público, todos se dizem unidos e preocupados com o Tocantins. Mas, sabe-que o universo político de cada um deles é bem diferente e distante. 

Eu já abri a janela para ver essa corrida de 2022. Agora, quem tem pressa corre atrás, pois a esperança de chegar ao Palácio Araguaia é doce para todos. Menos para mim, um simples mortal, sem eira nem beira.




 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento