15/01/2021 às 08h04min - Atualizada em 15/01/2021 às 08h04min

Adapec alerta para o encerramento da janela de plantio da soja sequeiro nesta sexta-feira


Foto: Divulgação
 
Encerra nesta sexta-feira, 15, a janela de plantio da soja sequeiro no Tocantins para a Safra 2020/2021. A janela teve início no dia 1° de outubro e é uma importante ferramenta de controle de pragas na cultura da soja, principalmente, a ferrugem asiática.

De acordo com a Agência de Defesa Agropecuária (Adapec), a janela de plantio é fundamental para a defesa sanitária vegetal do Tocantins, pois, visa contribuir no controle de pragas, diminuindo o risco de resistência aos fungicidas disponíveis no mercado, e consequentemente, o custo de produção aos produtores rurais.

O responsável técnico pelo Programa Estadual de Controle da Ferrugem Asiática, Cleovan Barbosa, explica a importância desta importante ferramenta para a produção de soja. “A janela de plantio tem como objetivo reduzir o número de aplicações de fungicidas ao longo da safra e, com isso, diminuir a pressão de seleção de resistência dos fungos aos fungicidas. Para evitarmos que isso aconteça, a Adapec instituiu este prazo de plantio no Tocantins”, afirma.

O técnico ainda acrescenta que, até o momento, não foram identificados focos de ferrugem asiática na safra 2020/2021, no Tocantins. Essa ausência do fungo nas lavouras tocantinenses se deu em virtude da estiagem das chuvas nos primeiros meses do plantio da safra. “Aos produtores, alertamos para, a partir de agora, intensificar os monitoramentos das lavouras, uma vez que as condições climáticas com a intensificação das chuvas podem favorecer o aparecimento da ferrugem asiática”, alerta Cleovan Barbosa.

O presidente da Adapec, Paulo Lima, ressalta o potencial de produção de soja no Estado e a importância da defesa sanitária vegetal para que o Tocantins continue produzindo e exportando grãos. “Somos um dos grandes produtores e exportadores de soja do país e este segmento vem crescendo, gerando empregos e fomentando a nossa economia. Por isso, é importante o controle de pragas nas nossas lavouras”, destaca.

Cadastro de áreas cultivadas

Os sojicultores devem ficar atentos ao prazo de cadastro das áreas produtoras de soja de sequeiro na Adapec, que encerra no próximo dia 22. O cadastro deve ser informado para que a Agência faça o monitoramento de pragas nestas lavouras. Ele é obrigatório e quem deixar de fazer poderá sofrer sanções previstas em lei.

Para realizar o cadastro, o sojicultor deve procurar o escritório da Adapec do município onde está a área plantada e preencher o formulário. Se preferir, acessar o site http://www.adapec.to.gov.br/vegetal, preencher as informações e entregar na Agência. O produtor deverá ainda emitir o Documento de Arrecadação de Receitas Estaduais (Dare) no site: http://www.sefaz.to.gov.br e efetuar o pagamento para finalizar o cadastro.
(Governo do Tocantins).

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento