12/01/2021 às 08h20min - Atualizada em 12/01/2021 às 08h20min

Hospital Geral de Palmas é escolhido para oferta de reabilitação de pacientes pós-Covid, pela equipe do Sírio Libanês


Foto: Divulgação
 
Pacientes internados no Hospital Geral de Palmas (HGP) que já foram acometidos pela Covid-19, como também de outras patologias, estão recebendo reabilitação específica dos profissionais capacitados pelo Sírio Libanês. Tal serviço se deve graças ao Projeto Reab, uma parceria do Hospital Sírio Libanês e Ministério da Saúde (MS), por meio do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proad-SUS).

A equipe da unidade, composta por fisioterapeuta, nutricionista, psicólogo, assistente social, enfermeiro, médico, fonoaudiólogo e terapeuta ocupacional, realiza diariamente o round: discussão interdisciplinar, onde são definidas as metas para reabilitação, focando na previsibilidade da alta segura.

“Trabalhar os pacientes como um todo - com diversas categorias profissionais - para possibilitar uma alta segura para este paciente, além de cuidados que ele necessita para continuar o tratamento em seu domicílio, acaba diminuindo a quantidade de reinternações hospitalares. Nosso foco principal é reabilitar o paciente no maior tempo hábil, que ele vá para casa e que tenha qualidade de vida”, declara o coordenador de enfermagem, Genivaldo de Sousa.

O diretor-geral do HGP, Leonardo Toledo, ressalta que o intuito é promover a reabilitação hospitalar de pacientes após a alta do cuidado intensivo por Covid-19, como também pacientes de outras patologias. Recentemente, a unidade recebeu do projeto equipamentos específicos, que auxiliam na realização de atendimentos dos pacientes”, explica.

A fisioterapeuta Mayza Thaynã é um dos profissionais que se dedicam com amor e afinco ao Projeto Reab. “É um privilégio fazer parte deste projeto, que veio fortalecer nosso trabalho e beneficiar o usuário. Sabemos o quanto a reabilitação auxilia na recuperação e é gratificante para nós, profissionais, perceber a melhora do paciente”, frisa.

São participantes do projeto o Hospital Geral de Palmas (HGP), o Hospital de Base (DF), o Hospital Municipal de Contagem (MG), o Hospital Geral de Fortaleza (CE) e o Hospital Geral do Trabalhador (PR). Os cinco hospitais foram escolhidos dentre os 6,5 mil hospitais do Brasil.
(Governo do Tocantins).

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento