12/10/2020 às 07h54min - Atualizada em 12/10/2020 às 07h54min

Edição especial do 14° Festival Gastronômico de Taquaruçu premia os melhores pratos em noite de encerramento


Foto: Divulgação
 
Chegou ao fim na noite desta última sexta-feira, 09, a 14° edição do Festival Gastronômico de Taquaruçu (FGT). O encerramento foi realizado na sede da Agência Municipal de Turismo (Agtur), no Centro de Convenções Arnaud Rodrigues, com a premiação dos pratos das cinco categorias que passaram por uma avaliação criteriosa, durante todo processo da seleção que promove todos os anos a valorização e o fortalecimento dos sabores do cerrado tocantinense. 

Os grandes vencedores foram: na categoria ‘Prato Salgado’, o ‘Pirarucu à Lagareiro’, da chef Helaisy Aguiar Costa Martins foi o eleito; o vencedor da categoria ‘Prato Doce’ foi o prato ‘Cake Broca do Toca’, assinado por Tiago Rodrigues da Costa; na categoria ‘Comidinha Salgada’, a vencedora foi Andressa Theodoro da Silva, com seu  ‘Enfornado de Mandioca Chambari’;  já na categoria Rota Gastronômica, o prato eleito foi ‘A França Pede Licença ao Tocantins’, do restaurante ‘Paes e Delicias’; na disputa dos Food Trucks, o vencedor foi  Jairo de Mesquita de Sousa, com seu ‘Segredo Burger’.

As propostas gastronômicas que conquistaram os primeiros lugares nas suas categorias receberam o valor de R$ 6 mil, para os segundos colocados  o valor de R$ 2 mil e os premiados na terceira colocação a quantia de R$ 1 mil. Confira a lista completa abaixo.  

Os jurados avaliaram nesta etapa final toda a composição dos pratos, como a criatividade e apresentação, o sabor, cor, textura, temperatura, originalidade dentre outras especificidades. Além do requisito dos candidatos usarem algum elemento típico da culinária tocantinense na composição final dos pratos. 

O chef Thiago Rodrigues, vencedor na primeira posição da categoria do ‘Prato Doce’, conquistou os jurados com a aposta de uma sobremesa vegana. "Foi muito positivo poder participar, e eu não imaginava que ganharia o prêmio com um prato cem por cento vegano, sem o uso de ingredientes tradicionais como o leite e ovo. Estou muito grato por essa conquista na minha primeira participação no festival", lembrou.

“Nós, nos reinventarmos para conseguirmos realizar o festival. Por aqui, passaram pratos maravilhosos, e os participantes incorporaram esse novo modelo, e se doaram totalmente no preparo das receitas. Foi sim, um show da gastronomia palmense, e, por entender e agradecer a todos os participantes desse evento, nós, também mantivemos a premiação como incentivo aos participantes”, destacou o presidente da Agtur, Lázaro Quirino Rodrigues. 

Participando pela terceira vez da competição culinária, Elayse Aguiar Costa Martins, foi a grande vencedora na categoria ‘Comida Salgadas’. “O prato foi inspirado nos elementos regionais, mas de uma forma diferente, e o conjunto final  ficou muito saboroso. E mesmo em um momento difícil como esse, o festival foi realizado com a proposta inovadora, mas ao mesmo tempo muito completa e enriquecedora,” disse.

Pandemia

Na edição deste ano, os pratos não foram comercializados e todo o processo de seleção, avaliação e degustação foram realizados seguindo os protocolos  sanitários da Organização Mundial de Saúde (OMS), em decorrência do enfrentamento a pandemia provocada pela disseminação do novo coronavírus (Covid-19). No encerramento, também foram mantidas as orientações, sendo permitida somente a presença dos participantes e a equipe da organização.
(Secom Palmas).

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento