31/07/2020 às 08h38min - Atualizada em 31/07/2020 às 08h38min

Em Palmas, usuários denunciam aglomeração no Detran e falta de material de proteção contra o coronavírus


Foto: Detran TO
 
Usuários do Detran em Palmas denunciaram ao site otocantins supostas irregularidades  do órgão durante esse período de pandemia do coronavirus.

A reclamação vem especialmente de donos de autoescolas e despachantes. Segundo eles, estaria havendo aglomerações na sede do Detran da capital, além de faltar material básico de prevenção ao combate ao coronavirus, como álcool em gel para usuários e até para servidores do órgão.

Outra reclamação é com relação à demora no atendimento remoto por telefone ( call center  do Detran). Despachantes disseram que não estão conseguindo agendar atendimento, que é feito por apenas cinco estagiários, de acordo os despachantes. Como não conseguem atendimento por telefone, donos de autoescolas e despachantes são obrigados irem ao prédio do Detran, o que contribui para aglomeração de pessoas.

O Detran respondeu com a seguinte nota:

“O Departamento Estadual de Trânsito do Tocantins (Detran-TO) tão logo foi decretada emergência sanitária pelo Governo do Estado, tomou uma série de medidas para buscar evitar o avanço da Covid-19, visando garantir a segurança dos servidores e usuários. Ao mesmo tempo, a gestão priorizou também evitar que todos os atendimentos e atividades fossem paralisados, como aconteceu na maioria dos Detrans de outros estados.

1) Atendimento Presencial Agendado – A primeira medida visando ampliar o distanciamento foi a criação do Atendimento Agendado, através do fone 0800 649 0154. Os agendamentos são feitos individualmente para cada usuário permitindo um atendimento a cada 30 minutos por guichê. O tempo permite o atendimento e também a higienização da bancada, cadeiras e equipamentos a cada pessoa atendida. O agendamento é feito tanto para a sede do Detran-TO em Palmas, quando para as unidades no interior;

2) Salas de Espera – Todas as salas de espera foram transferidas para o pátio, ou seja, as cadeiras colocadas no pátio que é coberto e protegido de sol e chuva e aberto, permitindo ventilação ampla. Além disso, foi feito intervalo nos grupos de cadeiras, evitando que as pessoas fiquem sentadas com proximidade;

3) Orientação aos Servidores: Os servidores do Detran-TO, especialmente os que lidam com o público, foram orientados sobre os sintomas e que avisem aos superiores caso estejam sob suspeita de contrair o coronavírus. Quando há uma suspeita o servidor é afastado para que fique em isolamento e que busque testagem a fim de confirmar ou não que tenha contraído a doença. Já houve casos de fechamento total por vários dias de agências do Detran-TO no interior por causa da testagem positiva de funcionários. Nestes casos ocorre também a desinfecção destes locais.

4) Call Center: O Call Center para agendamento do Atendimento Presencial foi montado em dois dias no início de março deste ano e tem servidores experientes, que também acabam tirando dúvidas dos usuários que ligam para o serviço. Conforme já citado acima, o agendamento serve a todas as unidades do Detran-TO;

5) Proteção Individual: O Detran-TO disponibiliza álcool em gel 70% em cada guichê de atendimento para desinfecção do local e para higienização das mãos dos servidores. Também foram disponibilizadas máscaras de proteção facial e até protetores faciais de acrílico para servidores do atendimento e da fiscalização. Além da compra de equipamentos e insumos para proteção individual dos servidores, o Detran-TO também recebeu doações de empresas que foram imediatamente distribuídos a todas as unidades;

6) Despachantes e CFC's: O atendimento de despachantes e Centro de Formação de Condutores (CFC's) não são realizados através de agendamento pelo call center, estes possuem um balcão exclusivo de atendimento, pois, a demanda destes é grande e o atendimento é separado para não influenciar no tempo de atendimento geral;

7) Número de Atendimentos: Mesmo enfrentando dificuldades diversas, o Detran-TO atendeu mais de 14 mil usuários em Maio deste ano e mais de 13,5 mil em junho, sendo uma média de 500 agendamentos em que as pessoas não compareceram em cada mês;

8) Evitando Aglomerações: Em todos os locais de atendimento presencial há monitoramento para evitar aglomerações, com orientação para distanciamento quando há formação de filas e espaçamento entre usuários para que não fiquem lado a lado”.



 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento