03/07/2020 às 07h55min - Atualizada em 03/07/2020 às 07h55min

“Morra quem morrer', diz prefeito sobre reabrir comércio


Foto: Jornal O Dia
 
“Mandei fazer o decreto, que no dia 9 abre, morra quem morrer”. Essa fala do prefeito Fernando Gomes causou polêmica nas redes sociais. No vídeo que circula nas redes sociais, o gestor afirma que autorizará que estabelecimentos comerciais reabram as portas daqui a uma semana, em 9 de julho.

“Primeiro, lutar pela vida, a vida é uma só. [Depois que] morrer, acabou [a vida]. Não tem fortuna, não tem pobreza, não tem falência, não tem nada. Mas não posso abrir uma coisa que não tenho cobertura. Com a dúvida, com os nossos morrendo por causa de um leito, vou transferir essa abertura. No dia 8, mandei fazer o decreto, que no dia 9 abre, morra quem morrer”, afirma Gomes no vídeo.

Em nota, a prefeitura  alega que o prefeito foi mal interpretado. “De acordo com a fala do prefeito ele estava contrariado com a situação, porque entende a necessidade da reabertura do comércio, visto que aproximadamente 40 lojas não voltarão a abrir, e vários pais de família estão desempregados”, diz trecho do texto.

Ainda, segundo a prefeitura, o prefeito recuou na decisão de reabrir as atividades antes, desde o dia 1º . “Voltou atrás na decisão da reabertura,  pois recebeu um relatório da Procuradoria Jurídica do Município informando sobre a ocupação de 100 % dos leitos de UTI.

O fato aconteceu em Itabuna-BA.









 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento