18/05/2020 às 11h29min - Atualizada em 18/05/2020 às 11h29min

Na crise do covid-19, deputados federais do Tocantins gastaram mais de 190 mil reais só com a cota parlamentar


Foto: Divulgação 
 
No mês de abril a ameaça do coronavírus  já era uma realidade no país.  Muitas atividades foram paralisadas e outras foram realizadas a distância, como no caso das sessões da Câmara dos Deputados.

Apesar das sessões terem sido realizadas de forma rêmora, a distância, mesmo assim os 8 deputados federais do Tocantins gastaram em média  mais de 190 mil reais só com a cota parlamentar. No top dos que mais gastaram está o deputado  Osires Damaso, seguido de Vicentinho Junior.

O Deputado Federal que mais gastou com Cota Parlamentar em Abril foi Osires Damaso (PSC), R$31.385,24 mesmo com o congresso tendo sessões a distância. Seguido por Vicentinho Júnior (PL) que gastou R$30.040,48, Dulce Miranda (MDB) R$29.581,58, Eli Borges (SD) R$28.899,55, Tiago Dimas (SD) R$25.538,28, Carlos Henrique Gaguim (DEM) R$19.817,27, Celio Moura (PT) R$18.592,29 e Dorinha Seabra (DEM) R$10.434,27. Todos os dados colhidos do Portal da Transparência da Câmara dos Deputados.

Cota parlamentar

A Cota é verba indenizatória com passagens aéreas e a cota postal-telefônica dos parlamentares. O valor mensal da Cota Parlamentar é utilizado pelo deputado por meio de reembolso e o deputado tem até 90 dias para apresentar a documentação comprobatória do gasto.

Valor da cota

O valor da Cota Parlamentar é diferente para cada estado da Federação, porque leva em consideração o preço das passagens aéreas de Brasília até a capital do estado pelo qual o deputado foi eleito. Para o Tocantins,  o valor  é de 39.503,61.





 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento