15/04/2020 às 10h12min - Atualizada em 15/04/2020 às 10h12min

Prefeitura doa milho para complementar a alimentação de pessoas atendidas por entidades beneficentes em Palmas


Foto: Divulgação
 
Quinze mil espigas de milho começaram a ser doadas nesta semana pela Secretaria de Desenvolvimento Rural de Palmas (Seder), em parceria com uma grande empresa agroquímica, para entidades beneficentes. A produção faria parte da vitrine de negócios da empresa durante a Feira de Tecnologia Agropecuária do Tocantins (Agrotins) 2020 adiada para em setembro ou outubro, em razão da pandemia de coronavírus (Covid-19). Como todo o milho já está apto para consumo, os representantes da empresa acharam por bem realizar a doação e evitar o desperdício do alimento.
 
Os locais contemplados são a Comunidade Terapêutica Rhema, que trata da recuperação de dependentes químicos e também cuida de idosos; a Casa Abrigo Sementinhas do Amor, atende crianças e adolescentes em situação de risco; Almoxarifado Central, que complementará os alimentos das cestas básicas distribuídas pela gestão para famílias em vulnerabilidade social e para a Pastoral Carcerária da Diocese de Palmas.
 
Para o diácono de coordenador da Pastoral Carcerária, Renato César Nunes, as doações estão fazendo a diferença no dia a dia de quem recebe. Segundo ele, por meio do projeto Alimentar o Povo Escolhido por Jesus Cristo, uma grande mobilização com a parceria de voluntários que doam seu tempo, dinheiro e alimentos, famílias que vivem na extrema pobreza ganham um alívio e fio de esperança nesses tempos difíceis de pandemia. “Começamos o trabalho com famílias da região Sul de Palmas. “Já levamos comida pronta na Capadócia e Taquari, além de cestas e roupas”, explica o diácono.
 
Conforme o chefe de divisão da Seder, Bonfim dos Reis, os beneficiados foram previamente selecionados e as entregas das doações serão finalizadas até o final da semana. “Parcerias como essa são de suma importância e mostram o quanto a união e solidariedade muda para melhor a vida de todos”, enaltece. ( Ascom)


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento