11/03/2020 às 06h23min - Atualizada em 11/03/2020 às 06h23min

Deputado propõe amputar mãos de políticos condenados por corrupção a exemplo da China, Coreia e Irã


Foto: Divulgação 


O deputado federal, Boca Aberta (PROS), protocolou um projeto de lei que visa amputar ambas as mãos de políticos que cometam crimes de corrupção. Boca Aberta afirma em sua justificativa que é “estarrecedor” que o Brasil não puna nenhum político como deveria e cita a China, o Irã e a Coréia do Norte como exemplos de países que usam até da pena de morte para condenar políticos.

De acordo com o PL, a amputação das mãos direita e esquerda deve ser feita para quem tenha cometido crime de “abuso de poder econômico, improbidade administrativa que importe lesão ao patrimônio público e enriquecimento ilícito, desde a condenação até o trânsito em julgado.”

A medida incluiria o presidente da República, governadores, prefeitos, deputados, senadores e vereadores e seria realizada pelo Sistema Único de Saúde.

A justificativa do projeto elenca que os políticos se aproveitam “da boa fé dos eleitores, prometem tudo, não cumprem e nada-lhes acontece” e os caracteriza como “inescrupulosos e frios, pessoas más, desumanas”.“O Brasil é o único país do mundo que não tem absolutamente nenhum político preso (ou apenas um) por corrupção, portanto, está clara a razão dessa praga (a corrupção) estar cada vez pior no país, já que nenhuma providência é tomada”, diz o texto.
“O método de execução mais usado para aqueles considerados culpados por corrupção e outros crimes econômicos é a injeção letal. Já o fuzilamento é usado para quem pratica outros tipos de crimes, como assassinatos.”, diz o projeto do deputado. (fonte- cartacapital).
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento