05/02/2020 às 07h42min - Atualizada em 05/02/2020 às 07h42min

Palmas, mesmo empurrado pela torcida no Nilton Santos, deve perder hoje para o Paraná

Alberto Rocha - Alberto Rocha

foto-divulgação      

 
Alberto Rocha
 
 
Vou logo dizendo: o esporte no Tocantins, em especial o futebol,  ainda está abaixo da linha do amadorismo. Na há investimento nos clubes e ninguém, ninguém faz nada para mudar a situação.
 
A própria Federação Tocantinense de Futebol é comandada por uma pessoa há 28 anos e ninguém, ninguém faz nada nem tem coragem de mudar nada. Pelo jeito, nada vai mudar.
 
O campeonato tocantinense de futebol é um vexame, sem expressão. Apesar do trabalho e do esforço dos clubes, que se arrastam em campo com se estivessem  jogando com muletas, sofrem  com a situação.
 
Recentemente o técnico Vanderlei Luxemburgo disse que vai lutar para colocar o futebol tocantinense na primeira divisão do Brasileirão. Doce ilusão e discurso sem nexo com a realidade. Até para se montar clubes para disputa do campeonato estadual é uma dificuldade.
 
Diante disso, o que esperar do jogo entre Palmas e Paraná?  Infelizmente, o  clube paranaense vai levar a melhor, só não sei placar.
 
Mas enquanto a bola não rola, vamos alimentando a doce ilusão de uma impossível e improvável  vitória do Palmas. Como disse o filósofo: o melhor da festa é esperar por ela.  Vamos aguardar a rede balançar.

 
 

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento