24/01/2020 às 09h22min - Atualizada em 24/01/2020 às 09h22min

Saque de R$ 15,7 mil na conta de Câmara Municipal no Tocantins deixa dúvidas


 

A 8ª Promotoria de Justiça de Gurupi instaurou inquérito civil público para investigar as circunstâncias e autoria de um saque em espécie realizado na conta bancária da Câmara Municipal de Dueré, no sul do Tocantins.

O caso chegou ao Ministério Público do Tocantins através de ofício do Banco Central do Brasil, que identificou a transação atípica durante os trabalhos de supervisão. O saque em espécie foi no valor de R$ 15.760,00, realizado no dia 04/08/2017, em uma agência do Banco Bradesco, em Gurupi.
 
A investigação do MPTO visa apurar possível prática de improbidade administrativa. O Promotor de Justiça Roberto Freitas Garcia já requisitou informações ao banco com os dados de qualificação da pessoa que sacou o cheque, bem como os dados do referido beneficiário da referida operação bancária. O banco tem 15 dias para responder.
 
Dueré é um pequeno município na região sul do Tocantins, fundado em 1958, que faz divisa com Aliança, Gurupi e Formoso. Possui menos de 5 mil habitantes. (fonte: AF).

 

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento