22/01/2020 às 08h53min - Atualizada em 22/01/2020 às 08h53min

Câmara teria comprado 29 mil copos, 175 mil folhas, 332 caixas de suco,1.250 canetas, 195 litros de leite, 378 refrigerantes, 84 sabonetes


foto: divulgação
 
O Ministério Público Estadual (MPTO) instaurou Inquérito para apurar suspeitas de irregularidades em compras da Câmara Municipal de Xambioá, referente ao ano de 2018. A portaria assinada pela promotora de Justiça Laryssa Santos Machado Filgueira Paes foi publicada nesta segunda-feira, 20, no Diário Eletrônico do MPTO. 
 
Segundo denunciado, há indícios de superfaturamento e excessos de gastos com gêneros alimentícios, combustíveis, lubrificantes, produtos de limpeza e higiene.
 
Diárias 
 
Além de questionar o valor de R$ 46,7 mil com diárias de vereadores em apenas um ano. Deste valor, de acordo com a denúncia, o então presidente da Câmara Edson Medeiros recebeu R$ 22,3 mil em diárias referentes a 2018.
 
Documentos requisitados 
 
Os gastos são de 2018, na gestão do ex-presidente. Diante disso, o MPTO requisitou no prazo de 30 dias que a Câmara remeta cópias de processos licitatórios e dos referidos contratos. Também determinou que a mesma documentação seja enviada à Delegacia de Xambioá para apurar possível crime contra a administração pública.
 
Compra de papel e copos 
 
O MP a compra de 350 resmas de papel, o equivalente 175 mil folhas de papel A4. Para utilizar todas em um ano o consumo médio seria de 500 folhas por dia.
 
O documento cita a compra de 29.500 copos descartáveis, um gasto médio de 81,9 copos por dia.  Entretanto, os vereadores participam das sessões apenas cinco dias por mês.
 
Outros gastos
Ainda segundo a denúncia, a Câmara comprou 1.250 canetas, 332 caixas de suco de um litro e 97 latas de leite em pó integral. Além de 195 litros de leite, 378 refrigerantes e 84 sabonetes líquidos.  Já o gasto com combustível para o único carro foi de 3.863 litros. Consumo que resultou em um gasto de R$ 17. 272, 37.
 
Outro lado
 
AN entrou em contato com a Câmara de Xambioá por email, mas não houve resposta à solicitação. Também ligou para o ex-presidente Edson Medeiros, mas ele não atendeu. (fonte: araguainanoticias).
 
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento