23/11/2019 às 06h53min - Atualizada em 23/11/2019 às 06h53min

Cachoeira de 150 metros impressiona pelas belezas naturais; entre os atrativos, um lindo lago azul, aves raras e animais selvagens

Alberto Rocha - Alberto Rocha

foto: Marcos Filho

Alberto Rocha

O município de Babaçulândia, na região norte do Estado e a 450 km de Palmas, parece ter vocação natural para o turismo. Ao redor da cidade, um enorme lago cercado de montanhas dá um  o colorido especial  à cidade de pouco mais de 10 mil habitantes.

O  espelho dágua é resultado da criação da usina hidrelétrica do Estreito, que formou ao longo do rio Tocantins, belas paisagens nas  regiões de cidades próximas como Babaçulândia e Filadélfia.

Mas, além do imenso lago, que cerca toda a cidade, Babaçulândia  tem várias cachoeiras que ajudam a movimentar a economia, além de proporcionar  diversão e  lazer  no Município. Até agora 14 dessas cachoeiras já foram catalogadas pela Prefeitura, algumas  delas com estrutura para receber o turista.

Mas a que chama mais a atenção do turista é a cachoeira Santa Bárbara, cerca de 40 km do centro da cidade. Apesar da confusão geográfica em torno do local, a de que pertenceria ao Município Wanderlândia, mas já está provado  que  o monumento natural e turístico está dentro do Município de Babaçulândia.

Polêmicas à parte, a cachoeira Santa Bárbara, um paraíso ainda escondido,  tem uma altura de cerca de 150 metros. Embaixo, existe um lago azul de água transparente e cristalina, que encanta ainda mais os visitantes.

O local, apesar de visitado por estudantes e praticantes de rapel, que utilizam o gigantesco paredão para a prática esportiva,  precisa de estrutura para receber o turista, pois o acesso só é feito por uma trilha no meio da mata e com a ajuda de um guia local.

Mas é bom avisar que, para chegar até o local, a pessoa tem de ter muita coragem, disposição e equilíbrio, pois o lugar é de difícil acesso, e de de andar cerca de 2k no meio da mata.

Também, há outros atrativos na Santa Bárbara. Na densa mata que cerca toda a região da cachoeira é possível ver aves raras, como arara azul, urubu-rei,  e animais selvagens, como onça, anta, capivara, lobo guará,  gato do mato, que buscam  a região para refúgio.

Ainda, no local, há um projeto chinês de plantio de árvores nobres que chama a aenção. A sensação do local é uma estrada que desce montanha abaixo, cerca de 1.5km de extensão. A estrada, que dá acesso ao vão, levou seis meses para ser construída. Para visitar o local do projeto é preciso ter coragem, devido à altitude  e  curvas da estrada, e a vigem deve ser em carro especial, próprio para o local.

Workshop de turismo

Para mostrar as potencialidades turísticas de Babaçulândia e região, o Município realizará no dia 11 de dezembro o primeiro workshop sobre turismo. O evento será realizado em parceria com o Governo do Estado, Sebrae, Ceste, entre outros parceiros.
Interessados em conhecer a cachoeira podem ligar nos telefones (63) 9255-2375 (Pedro).
 


 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento